sexta-feira, 22 de abril de 2011

Ei, menina.



Eu sei muito bem o que é chorar até dormir, acordar pensando que seus problemas se resolveram e ver que foi tudo ilusão. Eu sei muito bem o que é se olhar no espelho e não ver beleza alguma lá. Eu sei muito bem o que é gostar de alguém que não corresponde. Eu sei muito bem o que é se sentir excluída e nem um pouco importante para os outros. Mas, acredite, você é especial, você é importante. Você pode ter sido ingênua por deixar que algum idiota machucasse seu coração mas, você foi forte por continuar vivendo mesmo com esse problema. Você pode não gostar de si mesma mas, ainda sim se valoriza. E, saiba que, algum dia, alguém entrará na sua vida e irá gostar dos seus defeitos, te achar perfeita do seu jeito, dizer que gosta de você e te fazer feliz. Se não foi hoje, pode ser amanhã ou, algum dia mas, esse dia vai chegar.
Não deixe que nada nem ninguém tire um sorriso de seu rosto, o brilho de seu olhar, o amor do seu coração e a alegria de sua vida.
        (MeninaConfusa)

Um comentário:

Lillo Dogmez, o licantropo. disse...

ESSE TEXTO É AUTO-BIOGRÁFICO?? AIAIAI...MAIS UMA QUERENDO FAZER UM ESTÁGIO COM OLOBISOMEM. SOU BOM EM RECAUCHUTAR MULHERES COM BAIXO-ASTRAL.RSRSRS