sábado, 29 de janeiro de 2011

Palavras Confusas


Sei que agora pode não ser a hora, mas então, quando será ? Ultimamente(quero dizer, meses) tenho me sentido estranha, com um aperto no coração e ao mesmo tempo uma vontade de sorrir ao ouvir um certo nome. Não consigo entender mais nada que esta acontecendo. Minhas amigas dizem que estou apaixonada, e eu teimo em dizer que não. E sinceramente, eu acho que não estou mesmo. Mas, outras coisas além disso estão me confundindo. Você já teve a impressão de que as pessoas não gostam de você, apenas fingem ? Então, isso tem me preocupado muito.
Outro problema é a dificuldade que estou sentindo em acreditar e confiar nas pessoas. Não consigo mais ver verdade nos olhos de alguns, posso estar enganada, mas prefiro não arriscar. Atualmente, só eu sei dos meus problemas e minhas dores. Costumo sempre dizer que estou bem, mesmo que isso seja mentira. Passei a ter medo de contar meus segredos, pois não gosto nem de pensar na ideia deles serem revelados.
O que esta acontecendo comigo ? Por que sinto que estou perdendo a confiança em tudo e todos ?
Desculpem, mas eu precisava mesmo desse ' desabafo ' 

4 comentários:

Mah disse...

Flor essa mistura de sentimentos q vc está tendo é normal, bom eu acho, todos passamos por isso, não é fácil... mas logoo vc encontra pessoas q vão te dar motivos pra vc confiar bnelas...

ta afim de parceria??

beijaum!

Lillo Dogmez, o licantropo. disse...

aaaaaaaaaaahhh o amor... ISSO É NORMAL GATXINHA... TÍPICO DA IDADE. DEPOIS DE UNS ANOS VC APRNDE A SEPARAR AS COISAS. MAS POR ENQUANTO CURTA O MOMENTOE NÃO DEIXE DE VIVER SUA VIDA PRA ESPERAR AMORES IMPOSSÍVEIS. BJO

@mynameisthais_ disse...

Posso dizer uma coisa?
Se você realmente estivesse apaixonada, isso não te faria chorar. Pois amar não é triste e não foi feito para machucar.
Tentes ver dentro de si o significado de tudo que sentes. Juntando os pedaços, você descobre.
E, força. Você parece estar precisando.

Sarah disse...

Muito obrigada a todas vocês, meninas. Sério, as palavras de vocês me ajudaram !
Obrigada, de coração !